O curso para quem deseja ingressar na carreira policial pode variar de acordo com a força policial em que o candidato almeja atuar. O Brasil possui cinco forças policiais para escolha, e entre as mais disputadas estão a polícia militar, federal e civil. Dentre alguns dos temas abordados durante o curso de formação estão matérias como Geografia, Sociologia, Língua Portuguesa em geral, noções básicas de Informática e História. Noções de Administração Pública como a Constituição do Estado e Organização de Poderes são fundamentais para obter um bom resultado. Algumas das responsabilidades atribuídas ao profissional da área incluem a prevenção de crimes e capacidade de assegurar o cumprimento da lei em qualquer situação. O curso de formação para o cargo inicial na carreira policial tem a duração de doze meses, composto por dez meses de embasamento teórico e dois sob estágio supervisionado.

Público Alvo

Apesar de ser composta em sua maioria por homens, mulheres também podem ingressar no curso para exercer a carreira policial. Entre os pré requisitos, o(a) candidato(a) não pode ter completado a idade máxima de trinta anos até a última data de inscrição no concurso público, além de não ter qualquer antecedente criminal. Deve ter peso compatível com a altura e, para candidatos do sexo masculino, é imprescindível estar em dia com o serviço militar obrigatório.

A escolaridade exigida pode variar de acordo com o quadro de ingresso desejado. O curso para soldado, por exemplo, requer que o candidato tenha o ensino médio completo, enquanto para ingressar como oficial é necessário curso de formação superior em Direito.

Por último e não menos importante: é necessário priorizar e avaliar sua aptidão física e mental, uma vez que esse tipo de profissão requer muito esforço do candidato.

Perspectiva no Mercado de Trabalho

O mercado de trabalho para policiais e funcionários públicos em geral é sempre uma ótima opção para quem deseja estabilidade financeira. Além do salário fixo e bonificações anuais que todo funcionário público tem direito, a pessoa que decide ingressar na carreira policial não pode ser desligada como acontece com quem trabalha na iniciativa privada em momentos de crise, e para que um policial seja exonerado é necessário todo um processo para provar de fato que o profissional cometeu uma infração. Apesar do grande esforço físico e mental que é exigido na profissão, a pessoa que exerce tal função tem maior facilidade caso precise de consórcios, empréstimos e financiamentos. Ideal para quem quer conquistar a casa própria ou realizar o sonho de uma pós graduação.

Média Salarial

O salário inicial de um profissional da área (soldado) é de R$3.220,00 na cidade do Rio de Janeiro, enquanto o teto chega até R$26.663,34 para delegados. Em outras grandes cidades como São Paulo, o salário inicial é um pouco mais favorável: R$3.721,00 para soldados, enquanto o teto gira em torno de R$18.000,00 para delegados. Apesar de todos os benefícios citados, a escala de trabalho dos policiais é algo que continua a ser discutido entre profissionais da área, com uma carga horária que pode chegar até 120 horas de trabalho por mês. Caso o trabalhador venha a atuar em feriados, o Estado oferece remuneração em dobro para os que cumprem escala 12×36, na qual se trabalha 12 horas e folga em 36 horas. Para assegurar o cumprimento da lei trabalhista, policiais também podem contar com seus sindicatos, sendo SINDPOL um deles no Rio de Janeiro.

Dicas

Colocando em pauta todas as vantagens e facilidades já citadas, não podemos esquecer de alguns riscos de segurança que um policial que trabalha na rua, por exemplo, pode vir a sofrer. É preciso bastante aptidão e atenção redobrada em casos de confrontos com criminosos, perseguições policiais e ao lidar com desmembramento de quadrilhas de grande articulação. A boa notícia é que esse risco de segurança diminui conforme a área de atuação escolhida, por exemplo, a pessoa que atua no Centro de Operações da Polícia Militar (também conhecido como Copom) é responsável principalmente por oferecer assistência telefônica ao 190 e monitoramento de câmeras em pontos estratégicos da cidade. Já o Batalhão de Choque possui um trabalho mais complexo, atuando principalmente em casos de manifestação de organizações em locais públicos (dispersamento), ou até mesmo em grandes rebeliões em presídios. Podemos perceber assim que a carreira policial agrega a todo tipo de profissional, basta o preparamento certo para a área almejada.

Curso Gratuito de Agente de Polícia e Investigador (Senai, Senac e Outros)
Avalie o artigo

Veja a lista completa de cursos gratuitos com vagas abertas!

Não encontramos nenhum curso no momento...